Benefícios da prática de Yoga

A palavra YOGA deriva do sânscrito da raiz Yuj, que significa unir, atar, ligar, ou seja, ligar a parte física à mental, levando à reintegração e reequilíbrio do ser.

Yoga não é um tipo de exercício físico, mas algo mais, que nos permite trabalhar ao mesmo tempo: o corpo, tonificando os músculos e a mente, focando a atenção na respiração e no momento presente, reduzindo assim a nossa actividade mental.

As aulas de yoga têm uma duração de aproximadamente 60 minutos e são geralmente constituídas por vários tipos de exercícios: as posturas de yoga (asana), exercícios de respiração (pranayama), preparação para a meditação e meditação, relaxamento (no final da aula) e vocalização de mantras. Há diversos tipos de yoga, uns mais vigorosos, outros mais lentos, uns mais físicos, outros mais espirituais. As aulas podem ser em grupo ou particulares, sendo que neste último caso são totalmente personalizadas, tendo em conta a condição física do aluno e o seu estilo de vida.

O tipo de yoga que pratico é o Hatha Yoga, o qual se foca no trabalho do corpo, garantindo o correcto alinhamento do mesmo durante o asana. O alinhamento do corpo, em conjunto com a respiração, permitem que a mente, as emoções e os sentidos consigam entrar em equilíbrio.

“Ha” significa Sol e “tha”, significa Lua. Esta é assim uma prática que simboliza os dois pólos, que consiste na procura do equilíbrio entre o sim e o não, a luz e a escuridão, o feminino e o masculino, a noite e o dia.

Descobri o Yoga em 2014, numa altura da minha vida em que precisava desesperadamente de abrandar ainda mais. Desde 2011 que o minimalismo me permitiu simplificar imenso a minha vida, mas sentia que precisava de ir mais além…
Sempre tive problemas de ansiedade e sofria imenso com o stress. Às vezes não conseguia respirar. Queria ser super produtiva, aproveitar o tempo ao máximo e fazia tudo a correr.
Resolvi experimentar uma aula de Yoga e foi amor à primeira prática. Eu, que sempre andei a correr de um lado para o ouro, estava ali parada, “sem fazer nada”, pronta a descobrir a ligação entre corpo e mente.
Não vou negar, as primeiras vezes não foram fáceis. Não me conseguia concentrar na respiração. Durante o relaxamento pensava em tudo e mais alguma coisa, o que ia cozinhar para o jantar, a reunião importante que tinha no dia seguinte, o dia de trabalho que tinha corrido mal… Mas aos poucos fui conseguindo relaxar e desligar os filmes em direcção ao passado e ao futuro que não paravam de passar na minha cabeça. Lentamente fui sentindo todos os benefícios desta prática no meu corpo e mente.

Praticar Yoga é importante porque…

Diminui a ansiedade, uma vez que aprendemos a controlar a nossa respiração, tornando-a mais profunda. Se pararmos para observar a nossa respiração no dia-a-dia, verificamos que ela é muito superficial e rápida (acontece sobretudo na zona do peito), o que nos deixa ainda mais ansiosos. Os exercícios de respiração permitem-nos ter controlo sobre a mesma, tornando a nossa respiração mais eficaz e deixando-nos mais calmos. Quando controlamos a respiração controlamos (quase) tudo! Quando respiramos fundo é como se estivéssemos a dizer a nós mesmos “Está tudo bem” e o corpo sente isso mesmo
Diminui a pressão arterial
Aumenta a capacidade respiratória
Desenvolve a auto-confiança, à medida que vamos melhorando a nossa prática
Melhora a nossa postura corporal e alivia dores nas articulações e músculos, desenvolvendo-os. Grande parte das dores de costas, pescoço e braços provêm de uma má postura corporal que adoptamos diariamente, pois passamos horas a fio sentados em frente ao computador e/ou a conduzir e também a olhar para o telefone, o que causa demasiada tensão na cervical. O yoga devolve-nos uma postura corporal correcta e permite libertar a tensão que se acumula diariamente nos músculos e articulações
Melhora a auto-estima, uma vez que após algum tempo de prática, sentimo-nos melhor connosco, passamos a gostar mais do nosso corpo e a perceber as coisas fantásticas que conseguimos fazer
Melhora a condição física, força e flexibilidade, o que nos ajuda não só no nosso dia-a-dia mas também na prática de outros tipos de exercício físico
Desenvolve a concentração, o que é extremamente útil no nosso dia-a-dia
Melhora o nosso equilíbrio e a nossa capacidade de resposta e reação
Por tudo isto e muito mais, o yoga torna-nos pessoas mais felizes, com mais energia e mais tranquilidade para vivermos o nosso dia-a-dia


E o yoga também se vive fora da sala de prática: o tempo que aguentamos em cada posição traduz-se na nossa capacidade em enfrentarmos situações desconfortáveis e desafiantes, a meditação e as técnicas de respiração ajudam-nos no controlo de situações difíceis e de grande stress, o foco num ponto quando estamos em determinada postura, ajuda-nos a manter a concentração quando estamos a desempenhar uma tarefa exigente.

Acredito que se todos praticássemos yoga, seríamos mais felizes e o mundo seria sem dúvida um lugar melhor!

CLOSE